"MAIOR É O QUE ESTÁ EM VÓS DO QUE O QUE ESTÁ NO MUNDO." (I JOÃO 4:4)

quinta-feira, abril 28, 2011

Não seja adepto de conformismos

Dárcio Dezolt


O estudo da Verdade, sob a visão absoluta da “totalidade” de Deus, desfaz a crença usualmente passada por ensinamentos relativos no que diz respeito ao conformismo ou resignação diante das aparências deste mundo. Basta olharmos as atitudes de Jesus, registradas na Bíblia, para observarmos que sua maneira de ser não se restringia a orar e deixar as coisas irem mudando ou não por si! Pelo contrário, suas atitudes eram firmes e decididas, suas falas eram com autoridade, ou seja, nunca deu exemplo no sentido de que o Evangelho seria de conformismos ou de resignações diante de situações ou de pessoas desarmônicas! Pedro que o diga, pois foi mandado calar a boca, quando dizia coisas vindas da mente e não de Deus!

Há anos, um conhecido convidou-me a ir com ele a um “estudo sobre prosperidade”, numa regional da Seicho-No-Ie. Lá chegando, ele apresentou-me a uma preletora responsável pelos estudos semanais e, logo depois, ela começou a reunião dizendo: “Meu marido está com sérios problemas de saúde, e eu aplico os ensinamentos da Seicho-No-Ie, agradecendo muito pelo fato de ele estar, através de sua doença, se purificando através da manifestação e eliminação dos carmas negativos. O Mestre Taniguchi nos ensina que, se agradecermos por tais manifestações fenomênicas, em vez de nos prendermos a elas como fatos ruins, logo que elas forem “queimadas”, ele vivenciará a harmonia do Mundo Real”.

Este ensinamento, que ela dizia ser o da Seicho-No-Ie, não é o ensinamento revelado original, sobre o que a Seicho-No-Ie foi fundada para disseminar! Então eu disse a ela: “A senhora me permite dizer-lhe algo?” Ela concordou e eu lhe disse: “Eu assisti a uma palestra, em São Paulo, proferida pelo Prof. Murakami, em que ele falou de uma pessoa que estava com sérios problemas de saúde, e que, ao ser informado dos ensinamentos da Seicho-No-Ie, foi curado rapidamente! Explicaram a ele: Você é Filho de Deus perfeito! Não existe doença para Filhos de Deus! Você está curado sempre!, etc.” Penso que se lhe tivessem dito que ele deveria ficar agradecendo por seus carmas estarem sendo “queimados”, talvez ele estivesse fazendo isso, e inválido, até hoje!”. Imaginemos Jesus chegando ao paralítico e lhe dizendo: “Meu amigo, agradeça à sua paralisia, pois, ela o está ajudando a se livrar dos carmas do passado!” Jamais Jesus diria algo desse tipo! A preletora não se mostrou nada contente, por eu ter contrariado esta visão relativa pregada pela Seicho-No-Ie; porém, como eu disse, a Verdade gera atitudes! Se eu fosse barrar o que me vinha à mente para dizer, até poderia não ter sido indelicado como pareci ser; entretanto, o verdadeiro ensinamento estaria deixando de ser passado àquelas pessoas, que iriam, do jeito que ela explicava, ficar a vida toda “agradecendo por fatos desarmônicos” para “queimar carmas do passado”…

A Verdade é a Verdade: Deus é o ser individual do homem, e Deus não tem mente humana! O paralítico, segundo a Bíblia, estava desejoso de se ver curado, e Jesus lhe disse: “Quer ser curado? Levante-se, tome sua cama e ande!” Em outras palavras, estava dizendo a ele: NUNCA você esteve impossibilitado de andar, uma vez que VOCÊ é o que Deus criou para SER VOCÊ e nunca as imagens fraudulentas da suposta mente humana!

Katsumi Tokuhisa, num dos livros da própria Seicho-No-Ie, relata o caso verídico em que seis pacientes, supostamente paralizados por “derrame”, ficaram “curados na hora”, quando uma serpente entrou pela quarto do hospital em que estavam imobilizados pela crença falsa! Todos se levantaram para sair correndo!

Não aceite nada de negativo como fazendo parte de sua vida! Sua Vida é a Vida de Deus! Reconheça isto com entendimento, convicção, radicalismo e ação, MESMO que as “aparências” tentem se mostrar resistentes! Não são! Se você voltar a elas para dar-lhes mais “alimento”, elas permanecerão por sua causa! Medite, veja-se como PERFEITA E PERMANENTE OBRA DE DEUS, e, permaneça nesta Verdade! E, o quanto lhe for possível, AJA CONFORME DIZ A VERDADE, e nunca como diz a ILUSÃO!

Lembro-me de um tombo que levei: ao me levantar, não consegui me apoiar com uma das pernas; forcei a mente a permanecer com a perna “curada”, forcei para andar, reconheci tudo que pude da Verdade, e logo depois estava pelas ruas! Ao pisar, sentia ainda “algo estranho”, mas dali tirava a atenção para confirmar que “todo o corpo estava perfeito e normal”, até que a ILUSÃO cedesse por completo aos fatos verdadeiros! Não se resigne com o “mal inexistente”; ponha convictamente a Verdade na prática! Mas pratique a Verdade ABSOLUTA, e não supostas “verdades relativas”. A aceitação de “verdades relativas” acaba fazendo com que você, por fim, endosse a ILUSÃO!

A Seicho-No-Ie, assim como na Ciência Cristã, tem em sua literatura a Verdade Absoluta revelada a Masaharu Taniguchi; e é uma pena que, em meio a tais Verdades, tantas crenças falsas do Espiritismo tenham ali penetrado, como no caso em que citei, da preletora aceitando o marido “filho de Deus perfeito” como "alguém queimando carmas através de sérios problemas de saúde". Deve haver muito mais pessoas sendo tapeadas, mesmo com ótimas intenções, por algo nunca revelado por Deus!

Volto a dizer: não seja adepto de conformismo! Seja qual for a situação desarmônica, negue-a como sendo ILUSÃO E MAIS NADA, e confirme o fato real sobre VOCÊ:

“EU SOU UM SER ETERNAMENTE PERFEITO, UMA EXPRESSÃO DO VERBO DIVINO, UM HABITANTE DO CÉU E NÃO DA ILUSÓRIA TERRA!”

6 comentários:

UCEM - Um Curso Em Milagres disse...

Meu amigo-irmao,maravilha o que acabei de ler, sempre, sempre foi este meus pensamentos, concordo plenamente com voce, e muito obrigado
por poder unir-me com voce, quando pareco estar aqui, do meu coração para este teu coração. Unidos Nele, com Ele, sempre.
Abraços
SoniaVatan

Gugu disse...

Obrigado. Os créditos vão para o Dárcio. E tenho certeza que ele diria que os créditos não vão pra ele, mas para a única Consciência que é tudo e faz tudo.

O conteúdo desse texto é extremamente importante.

Eu gostaria que os dirigentes responsáveis pela Seicho-No-Ie - principalmente aqui no brasil - se aprofundassem mais na doutrina que o Masaharu Taniguchi deixou. Infelizmente o mundo da relatividade é uma agente/força tão sagaz, que faz com que a Verdade passe despercebida até mesmo diante dos olhos dos líderes do movimento. Esse "agente ou força sagaz" é nada. Porém, quando estamos envolvidos/hipnotizados por ela, ela realmente consegue nos capturar, colocar-nos em sua jaula e nos manter presos sem sequer saibamos ou percebmos o que está acontecendo. Nós não lutamos contra doenças, pessoas, coisas ou fatos. Ou seja, coo diz a Bíblia, "não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades." Lutamos contra essa força invisível chamada ilusão, que é nada. Se pensarmos que estamos lutando contra pessoas, coisas ou doenças reais, estamos iludidos sem nos darmos conta disso.

Todo o trabalho espirital que necessitamos fazer é aprender a enxergar a perfeiçao que já existe e constantemente reconhecê-la em nosso dia a dia. Fora disso, não existe trabalho espiritual. Fora esse, não há outro verdadeiro ensinamento.

Com o passar do tempo, chega um momento, infelizmente, em que todas as religiões precisam passar pela dificuldade de aprender a subsistir sem deixar que o seu ensinamento supremo e original se perca. É o caso da Seicho-No-Ie atualmene. Eu acredito que nesse mmento ela está passando exatamente por essa fase.

Matheus disse...

Eu sou simpatizante da Seicho-no-Ie, Budismo e Espiritismo. Mas nenhuma delas é capaz de responder todas as perguntas, nenhuma delas é inteiramente completa. Então teremos de seguir o que Buda dizia, que estaremos no caminho certo quando desaparecerem todas as perguntas, apenas um vazio em nossas mentes.

Gugu disse...

oi Matheus,

(...)"que estaremos no caminho certo quando desaparecerem todas as perguntas"(...)


É pode ser. Talvez Buda tenha dito isso, porque não existe a real necessidade de respondê-las. Talvez haja só a resposta! De modo que a pergunta (ou todas as perguntas) não existem.

Talvez, mesmo que alguma filosofia ou religião tivesse a condição de responder a todas as perguntas, o caso ainda não seria resolvido. Porque a solução completa e satisfatória não dependeria disto.

Ficar preso às perguntas é andar por caminhos inexistentes. As perguntas devem realmente desaparecer.

Grande Abraço.

Anônimo disse...

O mestre(M.Taniguchi) realmente tem dito em alguns de seus livros, que a manifestação de doenças e outras cousas mais do fenômeno, são queima de carmas, inclusive tem um livro em que ele fala sobre espiritismo relatando uma trabalhado de um pesquisador com uma médium onde relata a manifestação de um espirito orientador dessa medium, dizendo que o carma 50% pré determinado, 25% pode ser gerido e os outros 25% pode ser negociado com os espíritos orientadores(de Luz). Mas, em toda as sutras recebidas pelo Mestre, está dito bem claro, que o Homem-Deus, voa, transcede, toda e qualquer lei de causa e efeito (carma), que no Homem-Deus não existe, Lei de morte, doença e medo, que bastaria a conscietação dessa verdade, para ser quebrada toda cadeia de carmas e rencarnações. É isso que entendo! Obrigado a todos!

Gugu disse...

Sim, Masaharu Tanguchi, em alguns livros, explica a crença. Em outros, ele explica a Verdade. Não dá pra querer misturar a Verdade com a crença.

Se não forem tomados os devidos cuidados,temo que a SNI possa acabar virando uma religião/movimento de crendices.

Abraços.